Duas pessoas ainda estão desaparecidas após o colapso da parede da barragem na mina de diamantes em desuso da Africa do Sul

Duas pessoas ainda estão desaparecidas após o colapso de uma barragem na mina de diamantes Jagersfontein. Uma pessoa morreu no dilúvio, que também danificou propriedades e poluiu rios.

Hoje

Glencore avalia empréstimos para aumentar a produção na mina de cobre Mopani, na Zâmbia – relatório

A mineradora global Glencore propôs um empréstimo de US$ 200 milhões para custear os custos operacionais da Mopani Copper Mines, que é de propriedade da empresa de mineração estatal ZCCM-IH da Zâmbia.

Hoje

Zeb Nickel drilling revela elevada mineralização de ouro no projeto SA

Zeb Nickel encontrou a presença de uma mineralização de ouro anormalmente elevada no Projecto Zebediela, na África do Sul do Limpopo. Diz-se que a mineralização de ouro no projecto está relacionada com o Cinturão de Pedra Verde de Pietersburg, que acolhe...

Hoje

Glencore para adquirir a participação da Newmont no projeto MARA

A Glencore International AG e a Newmont Corporation anunciaram que chegaram a um acordo no qual a Glencore adquirirá a participação de 18,75% da Newmont no Projeto MARA.

Ontem

Cancelar a aprovação do enchimento de Jagersfontein a céu aberto – geólogo

A decisão da Agência de Recursos do Património da África do Sul (SAHRA) de permitir o enchimento da mina de diamantes Jagersfontein com resíduos de um segundo compartimento da barragem de rejeitos para evitar outro colapso da parede da barragem...

Ontem

Prata, platina e paládio como instrumentos de investimento

22 de agosto de 2022

Além do ouro, investidores privados e profissionais podem investir em prata, platina e paládio. A dinâmica dos preços desses metais depende de muitos fatores.

"OURO DOS POBRES"

Segundo especialistas, há 9 vezes mais prata no planeta do que ouro, por isso é mais barato. Por causa do preço mais atraente por onça, a prata é chamada de "ouro do pobre".

No entanto, quase 75% da produção anual de prata recai sobre as necessidades da indústria, o restante vai para a produção de joias e instrumentos de investimento (moedas e barras).

As qualidades da prata são numerosas. É um plástico, leve, antibacteriano, insolúvel em água e possui excelente condutividade térmica e elétrica. É uma parte de muitas ligas.

Considerando esses pontos fortes, a prata é utilizada em tecnologias avançadas (energia solar, energia nuclear, eletrônica, telefonia, nanotecnologia, medicina, etc.).

A produção de prata é de cerca de 25.000 toneladas por ano, mas há vários anos está estagnada devido ao subinvestimento crônico das empresas de mineração.

O maior produtor de prata do mundo é o México, que está à frente do Peru e da China. Esses três países respondem por quase metade da produção mundial desse metal.

Quanto aos investidores, a proporção de ouro e prata é um indicador muito popular para medir a atratividade de um metal branco. É calculado dividindo o preço de uma onça de ouro pelo preço de uma onça de prata.

A volatilidade da taxa de câmbio da prata é maior do que a do ouro. Isso se deve ao fato de o mercado ser mais estreito e, portanto, oferecer menos garantias de liquidez. Se o ouro é percebido como um porto seguro, então a prata tem um perfil mais "especulativo", observa boursorama.com.

PLATINA

A platina é trinta vezes mais rara que o ouro. Cerca de 40% da produção de platina é utilizada para a fabricação de conversores catalíticos para carros. Regulamentos mais rígidos sobre as emissões de CO2 na indústria automotiva estimularam a demanda por platina.

A joalheria responde por outros 40% da produção de platina. Os maiores mercados consumidores são os EUA, China, Japão e Índia.

A platina é plástica, não tóxica, resiste bem a altas temperaturas e é resistente à corrosão. Junto com suas capacidades industriais, este metal encontra muitas aplicações no campo da medicina (implantes de retina, marca-passos, etc.).

A produção de platina é estável em menos de 200 toneladas por ano. Até o momento, a África do Sul é o maior produtor mundial de platina (75% da produção total), à frente da Rússia e do Zimbábue.

Para os investidores, a platina não é dado como certo do ponto de vista dos investimentos de capital.

Historicamente, barras e moedas representavam menos de 2% da demanda por platina. Seu declínio acentuado durante a pandemia atraiu a atenção de muitos investidores.

PALÁDIO

Percebido como nobre e raro, o paládio é um dos metais do grupo da platina. No entanto, sua densidade é menor que a da platina. O paládio também tem um ponto de fusão mais baixo. Assim como a platina, é utilizada na produção de catalisadores para veículos e, assim, proporciona redução nas emissões de poluentes atmosféricos.

O paládio também é utilizado na produção de componentes eletrônicos para telefonia e ligas odontológicas. Além disso, o paládio serve como eletródio nas células de combustível.

A produção anual de paládio é semelhante à produção de platina - cerca de 200 toneladas. Os principais países produtores são Rússia, África do Sul, EUA, Canadá e Zimbábue.

Nos mercados financeiros, o preço do paládio é superior ao do ouro. Espera-se que o aumento de preço possa ser proporcionado pela demanda por veículos elétricos.

Alex Shishlo para a Rough&Polished